20 de fevereiro de 2017

Redescobrindo a caminhada sem rumo

Eu tenho andado estressado. Normal, levando em conta que eu e o Miguel somos TDAH, tenho que lidar com ele sozinho, com trabalho, com a casa, com as reclamações na escola, com o estilo opositor dele, além do fato de não estar praticando mais nenhum esporte e dormindo pouco a noite. Mas decidi mudar!

Marquei consulta com a psiquiatra do SUS aqui do bairro, chorei minhas pitangas pra ela e, além da sertralina para a ansiedade, sai com 2 missões: fazer caminhadas por 30 minutos pelo menos e diminuir o café. Diminuir o café tem sido o mais difícil, mas aprendi a técnica de só molhar a xícara com ele pra sentir o gosto 3 vezes por dia. Para quem tomava umas 5 xícaras cheias por dia, é um baita avanço.


A caminhada é um negócio que eu sentia muita falta. Eu caminhava praticamente toda noite quando morava em Campinas sem o Miguel e fazia por prazer, não pra saúde nem nada. Para mim era quase uma meditação, era o momento que minha cabeça não funcionava a mil por hora como no dia a dia e os pensamentos iam todos para os meus pés.

Quando fui morar em Pedreira para ficar mais tempo com ele, às vezes caminhávamos juntos e cheguei a escrever já sobre isso aqui. Mas conforme ele foi crescendo meio que abandonamos esse hábito e, para dificultar, eu estava num emprego que consumia todo o meu tempo e energia.

De emprego novo, casa nova e ano novo, estamos voltando a caminhar sem rumo pelo bairro. Mas mudou muita coisa das caminhadas de antes pra hoje. Antes era de fim de semana, agora é todo dia, antes ele adorava, agora tem de ser convencido. É difícil tirar ele dos canais de Minecraft no Youtube e confesso que é difícil eu deixar também minhas séries de lado hahahahaha mas estamos fazendo pela saúde, física e mental :-)



Mas nem é só isso, diferente de quando ele era pequeno e eu ficava vendo ele descobrindo as coisas e viajando no mundinho dele, agora podemos compartilhar nossos mundinhos, podemos conversar sobre inúmeras coisas, sobre escola, jogos, minhas histórias, séries, livros, amigos, a gente acaba se conhecendo muito melhor. É um tempo de qualidade, que me faz sentir um pai melhor.

E agora o Pokémon Go liberou novos Pokémon, então estamos aproveitando pra aumentar nossa Pokédex também ^.^

É um pouco difícil se abrir publicamente falando que tenho ido em psiquiatra ou que ando estressado, porque há muito preconceito e julgamento, mas é exatamente pra combater isso que decidi falar disso aqui. O próximo passo é fazer terapia, que começarei nessa semana. Já fiz outras vezes e ajudou, mas não muito, dessa vez decidi tentar com a linha cognitivo-comportamental. Se ajudar conto por aqui!

1 de fevereiro de 2017

O mundo na visão dos bebês


Você sabia que os bebês só conseguem ver cores com 3 meses? E que só nessa época também que ele consegue ver os traços do rosto dos pais? Eu sabia só meio por cima, mas nunca consegui imaginar antes... Até ver o GIF abaixo numa matéria da Superinteressante:



O GIF é do centro oftalmológico Clinic Compare e mostra a evolução da visão dos bebês no primeiro ano, mês a mês. São necessários praticamente 2 anos para a visão deles se estabilizarem e para o córtex visual conseguir processar todas as informações que vêem de uma vez.

Não é demais?!

16 de janeiro de 2017

A melhor lista de resoluções para 2017 que você respeita

Esse ano decidi que não ia fazer uma lista de resoluções, mas manter os bons hábitos que tenho criado pra mim (com o Habitica, lembra?). Mas um email da Netflix me fez mudar de ideia, um email com um modelo de lista Resoluções Netflix para 2017!

Foto das minhas resoluções Netflix para 2017 preenchidas.

Minhas resoluções:

VOU ASSISTIR IMEDIATAMENTE

- Desventuras em Série (quero devorar a série e os livros ao mesmo tempo)
- The Crown (já devia ter assistido, série maravilinda)
- Brooklyn 9-9 (muita gente me falou que é uma ótima série de comédia em questão de representatividade)
- Luke Cage (me preparar para o Punho de Ferro e Os Defensores)

VOU ASSISTIR COM MINHA FAMÍLIA

- Que Monstro Te Mordeu? (série maravilhosa brasileira que assisti na Cultura, mas picotado, agora preciso maratonar com o Migs)
- Bottersnikes & Gumbles (fui com a cara deles e quero ver qual é que é)
- Clone Wars (nunca assisti nada que não fosse os filmes da saga, agora quero começar a ver mais desse universo com o meu filho)
- Nossa Casa (assisti só o piloto e gostei, mas aí lançaram o Caçadores de Trolls e fomos sugados pela série. Agora que terminamos preciso voltar a esse, que parece bem divertido)

VOU FINALMENTE TERMINAR DE ASSISTIR

- Arquivo-X (quase 8 anos pra chegar na 4ª temporada, nunca demorei tanto para terminar uma série que gosto hahahahaha)
- Hora de Aventura (quero assistir sequencial, parei na 4ª temporada também)
- Voltron (eu e o Miguel gostamos bastante, mas deixamos ela de lado antes de terminar. Ele adora, mas eu não conseguia tempo pra assistir junto)

BAIXE O MODELO CLICANDO AQUI.

Já assistiu algo dessa lista? O que achou? E na sua lista, o que você tem ou vai colocar? Me conte nos comentários ;-)

15 de janeiro de 2017

Você já viu um coelho de óculos?

E aí que o Miguel vai começar a usar óculos, saca só a figura:

Foto do Miguel imitando coelho com seu novo óculos.

Nada grave, é mais pra ajudar com visão de longe, menos de um grau. Na idade dele eu também usava, mas tinha uma visão mais zoada, tanto pra perto quanto pra longe, e o uso corrigiu bastante. Ainda me indicam a usar um pouco pra dor de cabeça, mas me recuso por teimosia. Eu era assim:

Foto minha quando tinha 6 anos, usando óculos.


Eu odiava usar óculos pra ir na escola, me sentia feio. As pessoas que usavam na época eram apelidadas de quatro olhos e coisas do tipo e eu não queria mais um apelido, além de Tigelinha (do corte de cabelo). Como será que está hoje em dia? Aposto que mais fácil, agora ser "nerd" está na moda.

O Miguel super amou os óculos, mas ainda não foi na escola. Tô ansioso pra ver como será, como ele se sentirá, e torcendo pra ele não perder ou quebrar hahahahahaha...

8 de janeiro de 2017

Brincando de fazer poemas para crianças

Quem me acompanha há um tempo sabe que tenho me dedicado a escrever livros infantis. Nenhum publicado ainda, muitos ficam escondidinhos e apenas mostro para amigos mais próximos darem opiniões. Mas recentemente decidi treinar essa escrita criativa abertamente lá no Wattpad, publicando pequenos poemas acompanhados de ilustrações que eu mesmo tenho feito.
Banner do livro Poemínimos, publicado no Wattpad
E assim surgiu o Poemínimos, um livro de poesia infantil que estou atualizando toda semana e que é aberto para qualquer pessoa ler, imprimir, distribuir, seja em casa, instituições ou escolas, desde que cite a autoria e não use comercialmente.

Aqui no blog vou publicar um deles por mês, mas caso você queira ler todos é só me seguir lá no Wattpadhttps://www.wattpad.com/user/RafaNoris

Abaixo, meus poemas favoritos de outubro, novembro e dezembro:

Poema infantil ilustrado: "O Curupira é um boleiro espetacular / Dribla todo mundo / E só faz gol de calcanhar"

Poema infantil ilustrado: "Caminha vagarosamente / Como se levasse nas costas um sol / O pequeno caracol"

Poema infantil ilustrado: "Não pisca nem se espreguiça / Parece que medita / O bicho-preguiça"

Não se esqueçam de deixar feedbacks sobre eles, pois isso me ajuda muito a dar cada vez mais o meu melhor ^.^
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...