1 de março de 2015

Brincadeira de domingo: criando um quebra-cabeça

Domingo passado criamos pela primeira vez o nosso próprio quebra-cabeça aqui em casa. É muito simples e vamos explicar como fazer.

Materiais para criar um quebra-cabeça com seu filho

Você vai precisar de:
  • revista velha
  • papelão (cartolina pode dar certo também)
  • cola
  • tesoura ou estilete
  • 15 minutos e boa vontade
Tendo tudo isso, sente-se com seu filho e procure imagens grandes na revista junto com ele. Aqui, como fizemos dois jogos, o Miguel cuidou de escolher uma na revista Crescer e eu a outra na revista UFO hahahahahaha.

Miguel colando a página da revista no papelão

Escolhida a imagem, basta recortá-la e colar no papelão (lembrando que estilete não deve ser usado por crianças). Espere secar e corte o papelão pra formar um quadrinho, tipo esse:

Os quadrinhos de papelão que vão virar quebra-cabeças.

Agora, de acordo com a idade de seu filho, corte o papelão em vários pedaços, 4, 8, 16, depende do tamanho também da imagem. Por aqui, cortamos tudo em 16 quadrados e a diversão foi garantida.


Fazer um quebra-cabeça não é nenhum quebra-cabeça. Que tal fazer um com seus filhotes hoje? :-)

Ideia tirada do livro "501 Atividades Para Crianças Longe da TV", escrito pela Di Hodges e lançado no Brasil pela editora Girassol.

18 de fevereiro de 2015

Tirinhas do papai Alexandre Beck

Armandinho se tornou minha nova paixão quando o assunto é tirinhas, e hoje vou usar esse espaço para divulgá-lo e também o seu criador: Alexandre Beck.

Foto do ilustrador catarinense Alexandre Beck

Criado em 2009, Armandinho é um garotinho como muitos de sua idade, isso inclui o pacote de: esperteza, curiosidade, astúcia, ingenuidade, teimosia e fofura. De onde Beck tira inspiração para o personagem? Claro que é da experiência de pai, ele tem dois filhos, que inclusive são personagens recorrentes nas tirinhas, sua filha aparece como e o Guto é seu filho.

É impossível que um pai ou mãe não se identifique com as situações mostradas nas tirinhas. Tipo:

Tirinha de Armandinho, personagem criado por Alexandre Beck

Como o protagonista é criança e questionador, é difícil não identificá-lo com os hermanos Calvin ou Mafalda, mas em entrevista vi o Beck dizer que uma de suas principais influências foi "O Pequeno Nicolau", dos franceses Sempé e Goscinny, livro que sua avó lia para ele quando criança. Não conhecia esse título, mas fiquei interessado pelo que vi pela internet, ganhou até um filme em 2009 que recebeu críticas positivas, vai pra lista! <3

Confira abaixo mais tirinhas do Armandinho:





Demais, né? Então acompanhe o trabalho do ilustrador pela página no Facebook e adquira também os livros do Armandinho, eles estão sendo lançados pela Editora Matrix, já foram lançadas as edições Zero, Um, Dois e Três, e a Quatro sairá em breve :-)

29 de janeiro de 2015

Tumblr do Dia: Spaghetti Toes

Martin Bruckner é pai de Harper Grace, uma adorável criança de 3 anos que, como outras crianças da mesma idade, volta e meia soltam pérolas fantásticas. Mas Martin é também diretor de arte e decidiu criar um Tumblr com imagens ilustradas das frases de sua filha (e também as que ele e sua esposa acabam dizendo e que fora de contexto podem parecer malucas).

Confira abaixo algumas ilustrações do Tumblr Spaghetti Toes!

"Pra você, dou meu coração. Pra você, eu dou meu cozido."

"Por que esses mosquitos acham que somos cachorro-quentes?"

"Estou treinando para ser uma loba!"
"Mamãe, você ainda está vestindo as sobrancelhas de brava?"

Curtiu? Acesse o Tumblr deles que tem muito mais, e lá ele sempre dá um contexto sobre as imagens que tornam tudo ainda mais engraçado: spaghetti-toes.tumblr.com

22 de janeiro de 2015

Metas espertas para 2015

É com tristeza que percebo que quase não cumpri nenhuma meta de 2014, mas é com mais sabedoria que hoje planejo as de 2015, e com muito otimismo!

No final do ano passado tive a oportunidade de começar um processo de coaching, pois tem muitos aspectos da minha vida pessoal e profissional que pretendo mudar. Mudar a forma de pensar, mudar hábitos ruins, criar hábitos bons, seguir métodos eficientes, encontrar meu propósito, são todas coisas difíceis e que nós mesmo criamos barreiras muitas vezes, e sair do papel de vítima para o de protagonista da própria vida é assustador.

Imagem do meme Success Kid

É por isso que sou muito grato por poder contar com alguém por perto me auxiliando com todas essas coisas.

Escrever as metas no papel ou num post é sempre um passo importante, mas descobri que mais importante ainda é passar pelo teste SMART. Se você costuma ler textos de negócios e carreiras é bem provável que você já tenha topado com a sigla por aí. Escolha uma meta e a submeta a 5 perguntas:

- Ela é eSpecífica (objetividade)? Ela é Mensurável (se não for, nunca será alcançada)? Alcançável (nem fácil nem impossível)? É Relevante pra você (está ligada a um propósito seu)? É Temporal (o que não tem prazo não será feito)?

Enfim.

Para 2015 enxuguei ainda mais minhas metas:

1. Escrever mais
a. Escrever mais um livro infantil. No ano passado consegui terminar duas histórias e em breve trarei novidades sobre uma delas por aqui :-)
b. Escrever no mínimo 1 hora por dia. Para blog, revista, pro diário, para o que for.

2. Fazer mais exercícios físicos
a. Toda semana realizar 1 hora de exercícios físicos. Uma caminhada, uma corrida, um treino em casa com halteres ou quem sabe voltar às artes marciais. Sempre gostei, faz um bem danado pra saúde física e mental, mas vivia criando empecilhos.

3. Vender mais em minha loja de livros e filmes de terror
a. Aumentar o faturamento do Coisas Horrorosas em 40%. Para isso, precisarei me organizar melhor para otimizar meu tempo trabalhando nela, já que ela é meu emprego secundário (mas o principal em meu coração, hahahahaha).

É isso. Boa sorte pra mim. E você, tem metas para 2015? Aposto que sim, boa sorte pra você também :-)

7 de janeiro de 2015

"Por Quê?" Leitura Compartilhada #08


E eis o primeiro episódio de Leitura Compartilhada de 2015! Um ótimo livro infantil que trata sobre o absurdo da violência e de certos conflitos. É estranho publicar uma resenha sobre um livro do tipo bem num dia que houve atentado de muçulmanos extremistas na França por causa de charges :-(

Enfim, essa é uma história criada por Nikolai Popov onde acompanhamos uma rã que está de boa contemplando sua flor, até que aparece um rato invejoso que tenta de todo jeito pegar ela para ele. E isso desencadeia uma guerra entre rãs e ratos! Pra quê, né?

Saiba mais sobre a obra assistindo o vídeo abaixo:



Curtiu? Inscreva-se em nosso canal para receber em primeira mão os próximos episódios, comente se já leu ou se interessou ou se quiser dar uma dica de livro com o mesmo tema :-)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...