17 de janeiro de 2013

Música para os pais - Tears in Heaven, Eric Clapton


O melhor guitarrista do mundo tem uma das músicas mais lindas e tristes da história da música. E ela foi gravada em homenagem ao filho. Pelamor, embora um gênio, jamais queria ser Eric Clapton, quantas desventuras em sua vida pessoal. E quanta força para seguir em frente, transformando dor em cantos.

Eric nunca conheceu seu pai, sua mãe era solteira e tinha apenas 16 anos quando ele nasceu. Criado como filho pelos avós, só foi saber que sua mãe era mãe, e não uma irmã mais velha, aos 9 anos, quando ela já havia partido para a Alemanha para viver com outro cara.

Não é de se estranhar que o garoto tenha se tornado uma criança mais solitária e na dele.
 
Aos 13 anos, Eric ganhou um violão da avó e nunca mais largou (embora no primeiro ano tenha quase desistido por achar muito difícil RS).

Depois disso viriam as suas várias bandas, alguns abusos de drogas e álcool, carreira solo, casamento, traições com direito a uma filha que teve em segredo, separações, affair, mortes de amigos... e, o que mais o abalaria: a morte de Conor, seu filho de 4 anos com Lory Del Santo. Em março de 1991 o garoto caiu pela janela do 53º andar do apartamento de uma amiga da mãe.

Quando da morte do filho, ele estava separado de Lory há um tempo já, mas sempre esteve presente na vida do filho. Ele queria ser o pai presente que ele não teve. O filho o ajudava a superar a raiva que tinha pela sua família desmembrada.

Com o coração estilhaçado e após uma pausa nos shows, sua música mudou, Eric Clapton volta então com um som mais leve e reflexivo. E é nesse momento que surge Tears in Heaven!

Confira a música e sua letra abaixo:



Tears In Heaven

Would you know my name
If I saw you in Heaven?
Will you be the same
If I saw you in Heaven?
I must be strong
And carry on
'Cause I know I don't belong
Here in Heaven

Would you hold my hand
If I saw you in Heaven?
Would you help me stand
If I saw you in Heaven?
I'll find my way
Through night and day
'Cause I know I just can't stay
Here in Heaven

Time can bring you down
Time can bend your knees
Time can break your heart
Have you begging please
Begging please

Beyond the door
There's peace
I'm sure
And I know there'll be no more
Tears in Heaven

Esta não foi a única canção que ele compôs inspirado em Conor, recomendo também as músicas "My Father's Eyes" (duplamente inspirada em seu pai e no seu filho) e em "Circus Left Town" (que é sobre a última vez que esteve com seu filho, num circo, um dia antes de sua morte).

Esse post é um teste pra saber quem tem coração bom. Se você chegou até essa frase e não chorou, você é um monstro. Sua última chance de recuperar a humanidade é ver esse vídeo https://www.youtube.com/watch?v=KB_k2BC0O58 e chorar desesperadamente. Se estiver no trabalho, não se esqueça de botar os óculos escuros.

16 comentários:

  1. nunca parei pra prestar atenção na letra. sabia que a música era para o filho dele, e enfim, só de saber que ele o perdeu com tão pouca idade, já fico triste. é como dizem, ninguém quer enterrar filhos, né? foge da ordem natural das coisas...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito menos por erros humanos, né? E vi uma notícia que o Conor estava aprendendo a escrever nessa época, e ele dias antes de morrer, escreveu uma carta do tipo "te amo, papai" e enviou. A carta chegou depois do acidente. Imagina que foda?

      Excluir
  2. Até tentei ver o último vídeo até o final, mas não consegui...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não dá, né? Assisti de novo, e novamente um cisco insistiu em entrar no meu olho, é muito triste...

      Excluir
  3. Choray, tô no trabalho e sem óculos. Daora, Rafa! HUAHAHAUHAUHAUHAU...

    ResponderExcluir
  4. Mesmo já conhecendo a história da música, não consegui segurar as lágrimas... E ver as imagens do menino?!? Gente! Morri. :-(

    ResponderExcluir
  5. Oi Rafa,

    Nusss, amooo esta música e não sabia desta história! Escuto o CD do Eric Clapton tipo em looping infinito, principalmente em tempos de #TPMfeelings hehehe
    Vou te add no nosso grupo lá no Face para mães e pais blogueiros, tá?

    Bjoo!

    Loreta ;)
    @bagagemdemae

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu ouvia mais ele quando estudava guitarra, a long time ago, mas depois que comecei a pesquisar coisas para esse post eu o revisitei, peguei vários álbuns dele pra ouvir :)

      Excluir
  6. Tava aqui me atualizando, ouvindo justamente Eric Clapton.

    Vou te mandar a conta da internação por desidratação, ok? =P

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como dói esta música, esta história, né? :'(

      Excluir
  7. Não tá disponível o último vídeo recomendado.. sou besta pra chorar e por não conseguir ver já derramei umas lagriminhas aqui.... rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Vilmara! Obrigado por avisar, já atualizei o post, o link é esse: https://www.youtube.com/watch?v=KB_k2BC0O58

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...