13 de junho de 2012

Manual de sobrevivência do pai cinéfilo

Você quer assistir seu filme, mas o filho quer destruir a casa? Aprendi alguns truques nesse último ano, que funcionam comigo e espero que com vocês também. Confiram as dicas:


1) Prepare o ambiente

Espalhe os brinquedos favoritos do garoto pela sala, mas não os coloque juntos, deixe alguns escondidos se possível. Aí se no meio do filme ele ficar enjoado dos brinquedos, avise que tem alguns escondidos por aí, de preferência no sofá, almofada e tapete, por não oferecerem perigo e talz (estantes não são legais). Faça-o procurar e você ganhará pelo menos uns 20 minutos de sossego. Ah, e avise pro pessoal da casa pra não ficar entrando e saindo do ambiente, pois isso tira a atenção do que ele está fazendo e pode estragar tudo.


2) Pause o filme quando a coisa ficar preta

Não adianta, vai ter uma hora que você terá de pausar. Torça para que não seja no clímax do filme. Talvez o filho esteja enjoado dos brinquedos, querendo sua atenção, mexendo onde não deve a todo momento (ou por curiosidade ou pra chamar sua atenção), enfim: nessa hora, pause e vá brincar com ele, se jogue no chão, role, chute bola, monte blocos, rabisque caderno e coisas do tipo. Geralmente, não é necessário mais que 10 minutos pra acalmar a fera e voltar pro filme.

3) Estoure pipoca

Há pais que costumam fazer isso no início do filme, mas pra quem tem bebê ou crianças pequenas, é melhor deixar para quando estiver mais ou menos na metade do filme. A pipoca é a carta na manga pra acalmar pestinhas que não deixam você assistir filme (além de uma deliciosa porcariada). É igual quando você joga truco e pega um zap, você não irá usar ele na primeira rodada.


Enfim, esses são meus truques. Você tem outros? O que dá certo? O que você já tentou e deu errado? Conte aí nos comentários :-)


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...