15 de dezembro de 2011

De volta ao ninho

Imagine uma cidade sem vida cultural e sem playgrounds públicos. Isso, você imaginou Pedreira.

Como eu queria ter conseguido ficar com o Miguel em Campinas... Mas sozinho é difícil e custoso demais. Por isso voltei. Voltei porque não aguentava ficar próximo dele só nos finais de semana, porque minha mãe precisava de minha ajuda, porque ele me chamava toda hora.

É muito triste deixar o muquifo onde o Família Palmito começou. Onde vivi pela primeira vez uma vida de casal, onde o Miguel passou os primeiros meses. Era apertado, bagunçado, mas era um lugar que podia chamar de meu (embora fosse alugado).

O primeiro post foi uma musiquinha sobre a casa. Relembre: A Casa dos Palmitos.

Arrumando a mudança, de repente algo desperta uma nostalgia

O que vai mudar ou não com minha volta pra Pedreira:

- haverá mais posts aqui;
- vou continuar trabalhando em Campinas;
- comprarei minha primeira moto (uma Honda CG 150 Fan 2012);
- economizarei grana (espero);
- e poderei mostrar toda noite pro Miguel o que é música, pra ver se ele esquece o Michel Teló que a vó apresentou.

Agora chega de conversa que tô cheio de coisas para arrumar aqui. Me desejem sorte nesta nova etapa da minha vida :-)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...